roraimaemfoco

Audiência Pública: ALERR e representantes elaboram proposta para energia eficaz

Diante dos altos valores nas faturas de energia elétrica, uma reclamação recorrente de quem mora em Roraima, a Assembleia Legislativa de Roraima realizou uma audiência pública para buscar estratégias para melhorar este serviço, ouvindo os representantes de vários segmentos e a população. A reunião ocorreu na tarde de terça-feira (10).

A audiência buscou coletar sugestões dos participantes, que serão levadas para uma consulta pública da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e contribuirão para o edital, que prevê um leilão para contratação de empresas no desenvolvimento de ações de eficiência energética.

O deputado Evangelista Siqueira (PT) explicou que as demandas serão apresentadas na reunião técnica da Aneel em Brasília (DF), nesta quarta-feira, 11. Além disso, ele vai sugerir para a agência a prorrogação da consulta pública, para que a população tenha mais tempo de conhecer e somar nessa novidade.

“Queremos que mais pessoas possam colaborar, possam deixar a sua contribuição, e tenhamos um leilão de eficiência energética mais representativo no Estado. A população anseia por uma matriz confiável, por uma conta de energia mais barata e, tudo isso fez parte das discussões.”

Deputado Evangelista Siqueira

Uma das participantes foi a deputada Betânia Almeida (PV), que preside a CPI da Energia, da Assembleia Legislativa. Para ela, o problema da alta taxa de energia não está apenas no consumo e, sim na prestação do serviço. “A CPI da Energia não ficou parada, vem trabalhando de forma silenciosa, porque sabemos que é um problema muito complexo no nosso Estado. A energia gera muito dinheiro, tem enriquecido muitas pessoas ilicitamente e à custa do povo de Roraima, do trabalhador que realmente paga as contas em dia.”

Para a gerente de regulação, representante da empresa Roraima Energia, Evelyn Mendes, o leilão vai beneficiar a população, e a instituição é parceira dessa ação. “A gente vê com ótimos olhos essa iniciativa da Casa Legislativa, de ampliar essa discussão, de um projeto tão importante que a agência está coordenando. Esse também é um dos vieses do projeto, substituir esses equipamentos menos eficiente, visando reduzir o consumo no final do mês.”

Na audiência participaram a deputada Catarina Guerra (SD), representantes da Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento (ABRAVA), Instituto Socioambiental (ISA), Associação Brasileira de Engenheiros Eletricistas de Roraima, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Roraima, vereadores, estudantes do Instituto Federal de Roraima (IFRR), Diocese de Roraima, Conselho Regional de Economia de Roraima.

Eficiência energética

O coordenador do Fórum de Energias Renováveis de Roraima, Alexandre Henklain, procurou o deputado Evangelista Siqueira e propôs a realização da audiência pública. Ele explica que Roraima possui a matriz energética mais poluente no país, ao depender de termelétricas a diesel. Ele destaca que uma das propostas do leilão, é a substituição de aparelhos antigos, para reduzir o consumo e, refletir no valor da tarifa.

“Há duas maneiras de se reduzir a conta, uma é diminuir a tarifa que é bastante difícil, a outra é reduzindo o consumo sem a perda de conforto e qualidade, é o que a eficiência energética proporciona. Vamos ter empresas atuando em toda a cidade, atendendo consumidores cadastrados, que serão beneficiados pela troca de equipamentos. Principalmente centrais de ar, para que tenham o mesmo conforto, com a redução de consumo de até 30 a 40%”, explicou.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) realizará um leilão para desenvolvimento de Ações de Eficiência Energética, para reduzir o consumo de energia elétrica em Boa Vista. Antes disso, a agência está realizando uma consulta pública, até 18 de março, para debater a proposta de edital.

Compartilhar