Design sem nome (6)

Banco da Amazônia oferece linhas de crédito ainda melhores para geração de energia renovável

O Banco da Amazônia, apresentou ao Fórum de Energias Renováveis de Roraima e convidados, linhas de crédito destinadas a apoiar o financiamento da produção de energias renováveis para consumo próprio de empreendimentos urbanos e rurais. O crédito é indicado à aquisição de equipamentos para o aproveitamento das fontes de biomassa, pequenas centrais geradoras hidrelétricas, parques eólicos e centrais fotovoltaicas.

De acordo com o gerente geral do Banco em Boa Vista, Delvan Prata, o FNO Amazônia Empresarial Verde abre linhas de crédito para energia renovável micro e Minigeração de energia com potência instalada de 75 kW até 5 MW para pessoa física (residencial) e pessoas jurídicas de todos os portes, inclusive MEI (microempreendedor individual).

“Essa linha de crédito do Banco da Amazônia financia todos os itens necessários para a viabilização do projeto. O parcelamento é de até 96 meses (8 anos), com carência de 6 meses para pessoa física e pessoa jurídica. Para MEI até 36 (trinta e seis) meses incluída a carência de até 2 meses”, informou o gerente.

O FNO Amazônia Rural Verde pode ser adquirido por pessoas físicas ou jurídicas que se caracterizam como produtores rurais, as populações tradicionais (povos indígenas, quilombolas, ribeirinhos, extrativistas, pescadores artesanais, entre outros povos da floresta) não contemplados pelo Pronaf, pessoas jurídicas de direito privado do setor rural- inclusive empresários individuais- EIRELI (Empresa Individual de Responsabilidade Limitada), associações e cooperativas. O prazo para esse grupo é de até 12 (doze) anos, incluída a carência de até 6 (seis) anos.

Através do aplicativo do Banco da Amazônia é possível conhecer as linhas de crédito disponíveis, e fazer a simulação do FNO.

Compartilhar