PHOTO-2021-05-20-11-36-39 (1)

Workshop para o desenvolvimento de ações no ecossistema de inovação no setor de Energias Renováveis, foi realizado em Boa Vista

O Sebrae realizou na quarta-feira (19) o Workshop para o Desenvolvimento de Ações para o Atingimento dos Objetivos e resultados chave de 2021, visando o desenvolvimento do ecossistema de inovação no âmbito do setor de Energias Renováveis.

O encontro foi conduzido pelos consultores em Desenvolvimento de Ecossistema de Inovação Local, Marcos Suassuna e Carlos Eduardo Negrão Bizzotto, e contou ainda com a participação de membros do Fórum de Energias Renováveis de Roraima, pesquisadores e estudantes da área. Foram discutidas ideias e ações que impactem no desenvolvimento do ecossistema de inovação de Boa Vista referente ao setor prioritário de Energias Renováveis.

O Sebrae/RR com o apoio da Fundação CERTI, está desenvolvendo desde 2020 o projeto Ecossistemas de Inovação com o intuito de que a cidade de Boa Vista tenha melhores condições de estimular empreendedores, gerar e desenvolver iniciativas inovadoras em diversos setores. No projeto, atores públicos e privados e instituições voltadas à inovação atuam de forma conjunta para potencializar a competitividade local.

Neste ano, a empresa Mega Consultores Associados está na consultoria do projeto ecossistema de inovação e, por meio de workshops, visa construir ações práticas para que os objetivos traçados em 2020 sejam aplicados e alcançados. Serão realizados doze workshops ao longo do ano, destacando o tema ”Pacto da Inovação” e o trabalho nos setores prioritários.

As áreas prioritárias no projeto em Boa Vista são: Tecnologia da Informação; Comunicação; cadeia do Agronegócio e Biotecnologia; Turismo e Energias Renováveis. Para chegar a essas áreas prioritárias, o CERTI e o Sebrae realizaram uma pesquisa para de verificar as principais demandas da região. Foram realizadas entrevistas, em que foram analisados os potenciais e as vocações, até chegar à definição dessas áreas, incluindo a de energias renováveis.

De acordo com o analista técnico do Sebrae, que atua na Unidade de Gestão da Inovação, Fransllyn do Nascimento, o projeto Ecossistemas de Inovação é desenvolvido em todo o país e verifica as potencialidades de graduações, grupos de pesquisas e pessoas que podem gerar inovação, além de analisar as vocações econômicas, onde se chega aos setores prioritários de cada cidade.

“Um exemplo de governança é o Fórum de Energias Renováveis, que é um parceiro ativo do nosso projeto. Teve grande participação nos eventos que ocorreram ano passado e essa parceria tende a se estender neste ano também”, afirmou Fransllyn.

O coordenador do Fórum de Energias Renováveis de Roraima, Alexandre Henklain, destaca a importância do projeto.

“O Fórum de Energias Renováveis considera essencial o projeto Ecossistema de Inovação do Sebrae para o desenvolvimento das energias renováveis, na geração fotovoltaica, eólica, biomassa e hidráulica. Estamos a cada dia fortalecendo essa parceria e temos a convicção de que, por meio das ações do projeto, o ambiente de negócios para o setor ficará muito mais favorável. Facilitando o acesso ao crédito, tanto para as empresas quanto para seus clientes, concessão de incentivos fiscais, desburocratização e outras estratégias de mercado”, pontuou.

Por Bruna Cássia/ Thamy Dinelli

Compartilhar